Formação > Formação E-Learning: Cursos Avançados em Saúde > Prevenção e Tratamento de Feridas – da Evidência à Prática
Formação E-Learning: Cursos Avançados em Saúde
Prevenção e Tratamento de Feridas – da Evidência à Prática


Enquadramento

 

Os avanços científicos na saúde levaram ao aumento da esperança média de vida. Esta longevidade, mantida por cuidados de saúde cada vez mais eficazes e eficientes tecnologicamente, traçou o aparecimento de doenças crónicas, mais ou menos controladas, mas condicionantes de dependências e de vidas prolongadas nem sempre com a melhor ou desejada qualidade de vida.

As feridas, e em particular as feridas crónicas, representam uma dessas consequências e um sério problema de saúde.

Para a pessoa portadora de ferida, as suas repercussões fazem-se sentir a nível físico e psicossocial, representando quase sempre uma limitação na sua qualidade de vida. A um nível mais amplo, este problema de saúde tem consequências socioeconómicas, pois a sua abordagem envolve elevados custos materiais e humanos.

O tratamento de uma pessoa portadora de ferida é um processo complexo, que deve ser rigoroso e contemplar conhecimentos científicos e tecnológicos que permitam uma abordagem efetiva e eficaz. Seria desejável que todos os profissionais de saúde adotassem uma prática baseada em evidência científica de forma a atingir ganhos em saúde.

Esperamos que esta formação seja uma mais-valia para os profissionais de saúde que cuidam de pessoas com ferida. 



A Equipa Pedagógica conta com a presença de vários formadores com vasta experiência nesta temática.

 

Coordenador Científico

 

Gustavo Afonso

Enfermeiro na UCC Assucena Lopes Teixeira do ACES Cávado I - Braga

Pós-Graduação em Feridas e Viabilidade Tecidular (UCP - ICS Porto)

Membro da Associação Portuguesa de Tratamento de Feridas

 

Equipa Formativa

 

Cristina Afonso

Enfermeira na USF MRP do ACeS Cávado I - Braga

Pós-Graduação em Feridas e Viabilidade Tecidular (UCP-ICS Porto)

Membro da Associação Portuguesa de Tratamento de Feridas

 

Marta Miranda

Enfermeira na UCC Assucena Lopes Teixeira do ACeS Cavado l - Braga

Pós-Graduação em Enfermagem de Emergência (Escola Superior de Enfermagem D. Ana Guedes - Porto)

Pós-Graduação em Feridas e Viabilidade Tecidular (Universidade Católica Portuguesa - Porto)

Pós-Graduação em Enfermagem de Cuidados Paliativos (Escola Superior de Enfermagem - Universidade do Minho - Braga)

Membro da Associação Portuguesa de Tratamento de Feridas

 

Paula Carvalho

Podologista no Hospital Privado de Braga

Podologista na Sepri 24 - serviços de saúde

Master em Podologia Clínica e Cirúrgica (Univ.Europeia de Madrid)

Fellowship em Medicina Podiátrica (Univ.Temple(E.U.A))

Membro da Associação Portuguesa de Tratamento de Feridas (APTF)

Membro da Sociedade Portuguesa de Investigação e Desenvolvimento da Podologia (SPIDP)

 

Paulo Alves

Assistente Instituto Ciências da Saúde – Porto | Universidade Católica Portuguesa

Membro da Direção da Associação Portuguesa de Tratamento de Feridas (Vice-Presidente)

 

Rui Reis

Enfermeiro na UCC Assucena Lopes Teixeira do ACeS Cavado l - Braga

Enfermeiro Especialista em Enfermagem de Reabilitação (CESPU)




Datas de realização e Valor

Data – 02 de outubro a 30 de novembro de 2017

Preço – 30 Euros / 125 Reais (pago por transferência bancária)


No final da formação serão emitidos os certificados de formação.

Para mais informações: geral@cefolgest.pt  





Objectivo Geral
Tratar feridas recorrendo ás técnicas e tratamentos adequados.


População-alvo
Profissionais da área da saúde.


Modalidade de formação
Trata-se de um curso de formação inicial no tratamento de feridas.


Formas de organização
Curso realizado exclusivamente E-Learning. O curso estará disponível durante 4 semanas. Durante essas 4 semanas estarão disponíveis desde o primeiro dia todas as aulas para cada formando poder ajustar a formação ao seu ritmo. podendo visionar os vídeos todas as vezes que acharem conveniente. Terão também um teste final que poderão realizar após visionar todos os vídeos e que será de multipla escolha, com correção automática o que permite obter logo um feedback da aprendizagem.


Metodologias de formação e avaliação
A avaliação será realizada no final das várias aulas através de teste escrito, disponível na plataforma, e de escolha múltipla.


Conteúdos programáticos

O curso está organizado em Aulas, sendo cada aula relativa a um tema:
 

AULA 1 - Fisiologia da cicatrização e fatores que a influenciam - Marta Miranda

AULA 2 - Preparação do leito da ferida - Gustavo Afonso

                  Limpeza da ferida

                  Desbridamento de tecidos não viáveis

                  Abordagem da carga bacteriana e infeção

                  Controlo do exsudado

 AULA 3 - Apósitos com ação terapêutica - Gustavo Afonso

                 Úlceras de pressão

AULA 4 - Fisiopatologia das úlceras de pressão – Paulo Alves 

AULA 5 - Epidemiologia das úlceras de pressão – Paulo Alves

AULA 6 - Classificação das úlceras de pressão – Paulo Alves

AULA 7 - Superfícies de apoio - Rui Reis

               Pé diabético  

AULA 8 - Epidemiologia e fisiopatologia do pé diabético – Cristina Afonso  

AULA 9 - Estratificação do risco no pé diabético - Cristina Afonso  

AULA 10 - Avaliação do pé diabético - Cristina Afonso  

 AULA 11 - Prevenção e tratamento da patologia não ulcerativa - Paula Carvalho

               Úlceras de perna

 AULA 12 - Úlceras arteriais - Marta Miranda

                                     Epidemiologia das úlceras arteriais

                                     Anatomia do sistema arterial

                                    Fisiologia da circulação

                                    Patofisiologia das úlceras arteriais

                                    Classificação da isquemia crónica

                                    Tratamento da isquemia crítica

                  Úlceras venosas

                                    Epidemiologia da insuficiência venosa crónica e das úlceras venosas

                                    Anatomia e fisiologia do sistema venoso

                                    Fisiopatologia da úlcera venosa

                                    Classificação da insuficiência venosa crónica 

                                    Tratamento das úlceras venosas

AULA 13 - Diagnóstico diferencial - Marta Miranda

AULA 14 - Terapia compressiva - Marta Miranda

AULA 15 - Casos clínicos - Gustavo Afonso

 




Inscreva-se aqui